Mercado imobiliário pós-pandemia: quais cômodos serão mais bem vistos?

A pandemia do novo coronavírus afetou diversos mercados ao redor do mundo, e o imobiliário foi um deles. Hoje, por exemplo, já se fala sobre um mercado imobiliário pós-pandemia, que apresenta as consequências das mudanças provocadas por esse cenário. 

Uma das projeções mais perceptíveis foi a alteração na ordem das prioridades que envolvem a busca por um imóvel. Nas áreas mais urbanas é que isso pôde ser melhor observado. 

A demanda por moradias maiores aumentou, assim como as áreas abertas dos imóveis passaram a ser mais valorizadas. Por exemplo, as varandas nos apartamentos. Então, quer saber um pouco mais sobre isso? Fique com a gente que contaremos abaixo!

Mercado imobiliário pós-pandemia - prédios

Foto por Unsplash

Mercado imobiliário pós-pandemia: o que se valorizou?

Como dissemos acima, a pandemia provocou algumas mudanças no setor imobiliário. E a busca por espaços maiores foi uma delas. Por terem que ficar em casa muito mais tempo que o habitual, algumas famílias começaram a sentir necessidade de ampliar seu espaço de habitação.

Dessa forma, criou-se uma nova tendência no setor imobiliário. Por causa do aumento do trabalho remoto, por exemplo, a necessidade anterior de morar próximo ao trabalho deu lugar à necessidade de ter espaço em casa para a criação de um home office. 

Enquanto anteriormente, nas lista de prioridades, a localização vinha antes da estrutura do imóvel, a ordem começou a se inverter no mercado imobiliário pós-pandemia. O mesmo se deu com os espaços abertos, fazendo com que, no caso de apartamentos, a varanda deixasse de ser dispensável para se tornar desejável.

Afinal, nem todo mundo quer abrir mão de morar em um edifício para optar por uma casa. Logo, criam-se alternativas. A moradia, mais do que seu entorno, deve oferecer, então, tudo o que os moradores podem precisar. 

A cozinha também passou a ser um cômodo mais valorizado. Por questões de segurança durante o período da pandemia, o preparo das refeições passou ainda mais a ser tarefa do cotidiano. Muitas famílias, inclusive, acabaram descobrindo um prazer na atividade de cozinhar. 

O que considerar na hora de investir? 

Mas, refletindo sobre tudo isso, o que se deve levar em consideração na hora de escolher um imóvel para investir após a pandemia? Para responder essa pergunta, é preciso pensar em algumas questões: você comprará um imóvel para ser sua futura moradia ou “apenas” como investimento?

Caso a resposta seja a primeira opção, é necessário fazer uma análise das suas necessidades atuais e ponderar sobre elas. Isso é necessário para entender se elas permanecerão as mesmas após o fim da pandemia. Partir daí te ajudará a se nortear quando chegar o momento de selecionar o imóvel para a compra. 

Já se o seu intuito for comprar para colocar para alugar ou vender posteriormente, busque observar nos empreendimentos alguns pontos relevantes para o mercado imobiliário pós-pandemia. Não busque simplesmente por apartamento maiores, mas por locais que ofereçam praticidade e uma boa estrutura para seus moradores. Afinal, para eles, nunca faltará demanda.

Então, quer conhecer empreendimentos assim? Nos quais valem a pena investir independente do momento? Venha conhecer os imóveis da EM Empreendimentos Imobiliários! São prédios com unidades de tamanhos diversos, que têm em comum uma excelente estrutura e a qualidade pela qual a EM sempre preza. 

Além disso, se não quiser perder nossas novidades, preencha o formulário abaixo e continue acompanhando o nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *